Os "panots" de Barcelona

Não vão passar despercebidas, mas não custa nada reforçar a ideia.

Eu corro na rua e um dos espetáculos que vejo sempre são as calçadas. Gente, é bonito, viu? São simples peças que foram planejadas há mais de 100 anos e que são práticas até em dias de chuva.

As lajotas foram planejadas desde o início do século 20, no auge do modernismo em Barcelona. O que a prefeitura queria é que o novo bairro, o Eixample, tivesse uma pavimentação bonita, durável e não tão cara assim. O mais conhecido, hoje em dia, vocês vão ver por toda parte e é um símbolo do modernismo. Chama-se “Flor de Barcelona” e foi idealizado pelo já tão falado Puig i Cadafalch – a flor de Barcelona já tinha sido utilizada dentro da Casa Amatller.

Dica: Pra marcar a rota do modernismo (La ruta del modernisme), foi criada uma lajota dessas que se sobressai pela cor. Ela é vermelha e onde a encontramos, existe algum edifício modernista por perto.

Foto: Reprodução

Foto: Reprodução


Lajota típica da Ruta del Modernisme